5 ideias de negócios para abrir em 2021

5 ideias de negócios para abrir em 2021

A pandemia do novo coronavírus alterou as configurações de mercado em 2020. Dessa forma, neste ano, vários segmentos empresariais se destacam e o olhar de quem deseja empreender precisa estar focado nas principais áreas de negócios para abrir em 2021.

Felizmente, a maioria pode ser viabilizada com pouco capital e, muitas vezes, com retornos rápidos e que ajudam a expansão da empresa em médio prazo. Tudo, claro, feito com planejamento e, se possível, com contribuição de entidades como o próprio Sebrae.

Dito isso, confira 5 ideias de negócios para abrir em 2021 para começar (ou retomar) a sua vida como empreendedor(a).

1. Clubes de assinatura

Nenhum modelo de negócio teve tanta adesão e receptividade do público quanto o clube de assinaturas. Isso porque é possível apostar em qualquer segmento de mercado: o importante é focar na qualidade dos produtos enviados mensalmente aos clientes.

Essa ideia para 2021 segue uma tendência de alta, visto que as compras pela internet crescem cada vez mais. Também, com uma renda mensal paga pelos assinantes, é possível manter um ótimo fluxo de caixa.

2. Alimentação saudável

O segmento que mais cresceu proporcionalmente na última década foi o da alimentação saudável. E, claro, esse tipo de negócio não apenas segue em alta, como deve ser um dos setores líderes em 2021.

Sejam empresas físicas ou virtuais, há todo um potencial a ser explorado, principalmente com as novidades de alimentos do gênero que surgem. Ainda, cada dia mais empresas apostam na alimentação saudável para seus colaboradores, tornando uma atrativa opção de parcerias corporativas.

3. Produtos para pets

São cerca de 140 milhões de pets em todo o país. E o número não para de crescer. Assim, apostar neste tipo de negócio em 2021 é ir de acordo com a alta de mercado que só cresce – e que deve reaquecer após os efeitos causados pela pandemia em 2020.

A vantagem é que este tipo de segmento – produtos para pets – conta com uma diversidade de produtos. Ainda, é possível focar apenas em determinados nichos, como: cachorros, gatos, peixes, alimentação, produtos de higiene entre outros.

4. Alimentação em delivery

Em 2020, os serviços de alimentação tiveram no delivery sua forma de sobrevivência com as restrições impostas pela pandemia. Como o brasileiro ‘aprendeu’ a fazer os pedidos por meio desse método, empresas focadas no delivery despontam como uma das principais apostas – se não a maior em 2021.

A grande vantagem é que, nesse tipo de mercado, é opcional uma área de atendimento ao público. Pode-se focar apenas na entrega, o que gera menos gastos estruturais e de equipe, mas, mesmo assim, mantendo o alto rendimento que a alimentação em delivery proporciona.

5. E-commerce

Para complementar as principais ideias de negócio para abrir em 2021, o e-commerce desponta, em vários segmentos de mercado, como o mais viável para grande parte dos empreendedores.

Com menos gastos de manutenção, estoque, estrutura e equipe, é possível começar com pouco capital. Ainda, pode-se montar sua loja virtual, além das ideias que citamos acima, em várias outras proeminentes áreas: informática, beleza, vestuário entre outros.

O importante, dentro do e-commerce, é identificar qual segmento é mais compatível com sua possibilidade de empreender e o capital disponível. Todavia, podemos afirmar que esta não é uma tendência apenas para 2021, mas para toda a próxima década.

Deixe seu Comentário
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on print
Print
Share on email
Email
X
Olá, estamos ansiosos para falar contigo.